TINTO

São vinhos produzidos a partir de castas autóctones como a Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz (Aragonez), Tinta Barroca e Tinto Cão. A grande maioria dos vinhos resulta de um lote de várias castas, com uma complexidade e riqueza ímpares, que lhes imprimem um perfil característico do Douro. Existem ainda bons exemplos de vinhos monovarietais, produzidos apenas com uma casta, principalmente das três primeiras.
Tintos para consumir jovens: A maioria apresenta uma cor rubi e aromas de frutos vermelhos como framboesas e morangos, que podem ser complementados por notas florais e de madeira. Têm corpo médio e adstringência equilibrada. Os "Douro" jovens serão apreciados em todo o seu esplendor se consumidos nos primeiros anos após a vindima. Entre estes vinhos encontram-se os tintos mais adequados para acompanhar pizzas, massas, bacalhau ou pratos de carne pouco elaborados. Devem ser servidos entre os 13º e os 15 ºC.
Tintos de guarda: Têm boa profundidade de cor e aromas complexos e intensos. Quando novos, é comum surgirem notas de frutos pretos, chocolate, balsâmicas, violeta e madeira, sendo vinhos de grande estrutura e com taninos persistentes. No seu apogeu, que pode levar quase uma década a atingir, apresentam aromas delicados e subtis mas de grande complexidade. Na boca o vinho amacia mas mantém-se equilibrado. Uma parte significativa dos vinhos de guarda produzidos no Douro apresenta no rótulo a designação Reserva ou Grande Reserva.

Fonte: IVDP

Malu Douro DOC

História do vinho: MALU é o nickname de Maria Luís, filha de Ana. A personalidade de MALU originou este vinho!  

Vinificação e envelhecimento: As uvas foram fermentadas em cubas de inox tradicionais durante 7 a 10 dias a temperaturas de 20° a 22º. Os vinhos são tirados a limpo para barricas de carvalho Francês, de 500 litros, onde se processa a fermentação maloláctica.

Todos os vinhos estagiam depois durante 15 meses em barrica. 

Maitê Douro DOC

História do vinho: História de MAITÊ é a história do nome de Maria Teresa, filha de Helga. A personalidade de MAITÊ originou este vinho! 

Vinificação e envelhecimento: As uvas foram fermentadas em cubas de inox tradicionais durante 7 a 10 dias a temperaturas de 20° a 22º. O vinho é tirado a limpo para barricas de carvalho Francês, de 500 litros, onde se processa a fermentação maloláctica.

Todo o vinho estagia durante 15 meses em barrica.

Malu & Maitê Douro DOC

História do vinho: MALU&MAITÊ são os diminutivos das nossas "MARIAS". Maria Luís é a filha de Ana chamada por MALU, e, MAITÊ é a Maria Teresa, filha da Helga. A personalidade de ambas originou este vinho!  

Vinificação e envelhecimento: As uvas foram fermentadas em cubas de inox tradicionais durante 7 a 10 dias a temperaturas de 20° a 22º. Os vinhos são tirados a limpo para barricas de carvalho Francês, de 500 litros, onde se processa a fermentação maloláctica.

Todos os vinhos estagiam depois durante 15 meses em barrica.  

Rola Tinto Douro DOC

Região: No Douro, Património Mundial, nasce este produto de excelência e qualidade, de características tradicionais.

Vinificação e envelhecimento: As uvas foram fermentadas em inox durante 7 a 10 dias a temperaturas de 22° a 26º. Os vinhos são tirados a limpo para decorrer a fermentação maloláctica.

Depois desta 2ª fermentação, 30% dos vinhos estagiam 9 - 12 meses em barricas.

Rola Touriga Nacional Douro DOC

Região: No Douro, Património Mundial, nasce este produto de excelência e qualidade, de características tradicionais.

Vinificação e envelhecimento: desengace total e fermentação em depósito inox com controlo de temperatura.

Estágio de 14 meses em barricas de carvalho francês 500 litros 

Rola Vinha das Marias Douro DOC

Região: No Douro, Património Mundial, nasce este produto de excelência e qualidade, de características tradicionais.

Vinificação: As uvas foram fermentadas em cubas de inox tradicionais durante 7 a 10 dias a temperaturas de 22° a 25º. Os vinhos são tirados a limpo para barricas de carvalho Francês, onde se processa a fermentação maloláctica. O Vinho estagia depois durante 15 meses em barrica.

Rola Tinto Reserva Douro DOC

Região: No Douro, Património Mundial, nasce este produto de excelência e qualidade, de características tradicionais.

Vinificação: As uvas foram fermentadas em cubas de inox tradicionais durante 7 a 10 dias a temperaturas de 22° a 25º. Os vinhos são tirados a limpo para barricas de carvalho Francês, de 225 litros, onde se processa a fermentação maloláctica. Todos os vinhos estagiam depois durante 12 meses em barrica.